Prefeitura decreta emergência e fechamento de lojas em shoppings de Porto Alegre

  • 18/03/2020
  • 0 Comentário(s)

Prefeitura decreta emergência e fechamento de lojas em shoppings de Porto Alegre

Medidas também preveem o fechamento de cinemas, teatros, casas noturnas e indicam série de restrições em bares

O prefeito Nelson Marchezan Júnior divulgou nesta terça-feira decretos e medidas para a contenção do novo coronavírus (Covid-19). O principal deles define situação de emergência na Capital por conta dos impactos do coronavírus. Outro decreto definiu o fechamento de lojas de shopping centers, cinemas, teatros, entre outros estabelecimentos. Também foi determinada a restrição de bares e restaurantes da cidade. A restrição, inicialmente, é por 30 dias.

Uma das recomendações para bares e restaurantes indica que a lotação não poderá exceder a 50% da capacidade máxima prevista no alvará de funcionamento ou PPCI, bem como de pessoas sentadas. As lojas de rua da Capital também permanecerão abertas, seguindo recomendações de higiene indicadas no documento.

Além disso, o funcionamento das lojas deve ser realizado com equipes reduzidas e com restrição ao número de clientes concomitantemente, como forma de controle da aglomeração de pessoas. As equipes do governo municipal estiveram reunidas, durante todo o dia, com representantes de diversas áreas econômicas e sociais da cidade para debater as ações em relação à crise da Covid-19. O decreto regulamentando a decisão foi publicado em edição extra do Diário Oficial de Porto Alegre.

Conforme o decreto, os shoppings deverão fechar por 30 dias a partir de 19 março, à exceção de farmácias, clínicas de atendimento na área da saúde, supermercados, restaurantes e locais de alimentação nestes estabelecidos, bem como espaços de circulação para acesso aos mesmos. Durante as reuniões, Marchezan deixou claro aos envolvidos que a situação causada pelo coronavírus é muito grave e não tem perspectiva de melhoria em breve. “Vai piorar muito”, afirmou durante a reunião, prevendo uma crise que se alongue nos próximos quatro meses.

Durante o encontro também ficou claro que cinemas, teatros e academias, mesmo as localizadas dentro dos shoppings, seguirão fechadas, como determinou um decreto da prefeitura. Superintendente do Shopping Total, Eduardo Oltramari, avalia que as medidas adotadas devem ajudar a frear o número de casos na cidade. “Essa preocupação é perfeitamente compartilhada com a gestão dos shoppings, mas eu entendo que as providências são decorrentes de uma necessidade para mitigar o contágio e uma escalada na contaminação.”

Os decretos também determinam o cancelamento de todo e qualquer evento em ambiente fechado, bem como de Eventos abertos com mais de 50 pessoas. A prefeitura informa que não expedirá alvarás de licenciamento para eventos, no período de vigência do decreto. Salões de festas de condomínios poderão ser utilizados quando respeitada 30% da sua capacidade de lotação.

Fonte: Correio do Povo

0 Comentários


Deixe seu comentário


Aplicativos


Locutor no Ar

Robô Genifer

Piloto Automático

00:00 - 23:59

Peça Sua Música

Nome:
E-mail:
Seu Pedido:


Top 5

top1
1. Camila Cabello

Havana

top2
2. GeeGu

Moonlight

top3
3. Katy Perry feat. Juicy J.

Dark Horse

top4
4. Sia e Sean Paul

Cheap Thrills

top5
5. Anitta e Kevinho

Terremoto

Anunciantes